Mostra Rios e Ruas é tão relevante para a cidade que deveria ser permanente.

Mostra Rios e Ruas, na praça Victor Civita

Mostra Rios e Ruas, na praça Victor Civita

Luiz de Campos Jr, do projeto "Rios e Ruas".

Luiz de Campos Jr, do projeto “Rios e Ruas”.

Estive visitando a Mostra Rios e Ruas, inaugurada no dia 31/05, sábado. A exposição é resultado de mais de 20 anos de pesquisa sobre os rios escondidos (ou nem tanto) em São Paulo, trabalho do geógrafo Luiz de Campos Jr e do arquiteto e urbanista José Bueno. A curadoria é de Marcello Dantas.

As instalações foram divididas entre a Praça Victor Civita e o Parque Villa-Lobos, ambos na zona oeste da cidade.

Na praça, a história da canalização dos nossos rios é contada através de mapas, textos e fotos antigas colocados em painéis coloridos que simulam uma casa, toda construída com canos aparentes convidando o visitante a conhecer e entender sobre a hidrografia da cidade e a importância das nossas águas.

A mostra, coincidentemente foi inaugurada numa época bem propícia pela situação de racionamento que a cidade vive nos dias de hoje.

No parque, um grande mapa com ilustrações assinadas por Nik Neves foi montado no chão e alfinetes presos a ele indicando a localização e a história de cada um dos nossos rios.

Quem já participou de alguma atividade com o Rios e Ruas, pode imaginar aquele quebra-cabeças numa dimensão bem maior e com informações completas.

Este link conta um pouco sobre o projeto Rios e Ruas. http://vadebike.org/2014/03/enchentes-em-sao-paulo-rios-e-ruas/

O que me deixou curiosa e um pouco triste foi saber que esse grande mapa montado no Villa -Lobos vai ficar exposto somente por dois dias.

1 – Por que atingir somente os frequentadores do parque durante apenas UM final de semana e não permanecer por um ou dois meses num espaço mais visível e mais acessível, de preferência próximo a uma estação de metrô ( ex: Largo da Batata, vale do Anhangabau) e poder se integrar à cidade como parte dela?

2 – Por que não levar os alfinetes com as plaquinhas para as nascentes dos rios e deixá-los permanentemente lá sinalizando a existência de um rio e servindo como um museu a céu aberto da própria cidade?

Placas com a história dos rios, parte da mostra que sera desmontada neste domingo, 01.06

Ok, pode ser que haja questões de ordem técnica ou prática, mas me parece um pouco insustentável produzir ilustrações, textos e informações extramamente importantes para a cidade, resultado de uma pesquisa de mais de 20 anos e provavelmente mais alguns meses de produção, e depois de 2 dias de exposição jogá-los no lixo, mesmo que este seja reciclável, afinal sustentabilidade é bem mais que reciclagem de lixo.  Entendo a sustentabilidade como o não-desperdício, aproveitamento de energia, e imagino que muita tenha sido gasta aí. Uma pena.

Mapa montado no Parque Villa-Lobos, que será desmontado no dia 01/06.Mostra Rios e Ruas:

Onde e quando: Praça Victor Civita, de 31 de maio a 31 de julho e Parque Villa-Lobos, de 31 de maio a 1 de junho.

Mais informações: https://www.facebook.com/events/523545577756085 http://mostrarioseruas.com.br/

Mais fotos:

https://www.facebook.com/paginadarachel

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Mostra Rios e Ruas é tão relevante para a cidade que deveria ser permanente.

  1. Tata Amaral disse:

    Ah, não podem tirar o mapa do Villa Lobos!! E quem, eu como milhares de interessados, não pode ir até lá neste final de semana? Excelente sugestão: colocar o mapa em lugares públicos e os alfinetes nas nascentes

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s