Levi’s lança linha exclusiva para ciclistas

Foto: Danilo Tanaka

A ciclista Daisy Lee pedala em evento da Levi’s. Foto: Danilo Tanaka

No último sábado, 25 de abril, a Levi’s lançou a nova coleção da linha Commuter,  roupas desenvolvidas  para ciclistas urbanos.  A linha existe desde 2011, mas agora ganhou peças femininas em sua coleção.

O evento de lançamento, organizado pela agência Milk e pelo site Vá de Bike começou as 10 h da manhã na loja da rua Oscar Freire e terminou as 15h com uma festa no escritório da empresa, na mesma rua. Os convidados pedalaram de um local ao outro, usando as roupas da marca, escolhidas por eles. Cada convidado ganhou duas peças de roupa.

Ciclistas em evento da Levi's. Foto: João Lacerda

Ciclistas em evento da Levi’s. Foto: João Guilherme Lacerda

As duas empresas que organizaram o evento tinham um número certo de convidados.”O objetivo era trazer influenciadores que usam a bicicleta em seus deslocamentos e que o fazem com roupas casuais, pois são os maiores beneficiados por vestuário com as facilidades e diferenciais que a linha Commuter oferece”- diz Willian Cruz, do Vá de Bike.

11174912_1018022974874848_5836692090368672232_n

Selim na bicicleta da advogada Tatiana Lowenthal.

O mineiro Gil Sotero, que venceu o concurso de fotografias promovido pelo site também foi trazido de Belo Horizonte a São Paulo para receber o prêmio: um dos 1.000 selins Brooks, produzidos em parceria com a Levi’s, vendidos exclusivamente em uma loja de Londres e pela internet. Durante o evento também foi sorteado outro selim dessa edição para os outros participantes do concurso. Quem levou o prêmio foi a advogada Tatiana Lowenthal.

O diretor de varejo no Brasil Rui Araujo Silva falou sobre as características dos produtos, entre elas o repelente a odores, o cós mais alto na parte de trás das calças, bolsos traseiros mais fundos e tecidos com stretch. As camisas também são mais compridas atrás e a maioria das peças tem costuras refletivas para maior visibilidade noturna.

“A calça masculina tem suporte para u-lock no cós, o que deixou as meninas decepcionadas pois as femininas não tem.” – conta Daisy Lee: “mas eles disseram que vão fazer”. 🙂

A jaqueta jeans vem com uma capa que protege da chuva e do vento.

Achei a ação uma das melhores que podia se fazer, afinal nada melhor do que lançar uma linha para ciclistas com ciclistas de verdade. Eu fiquei feliz em ganhar roupas legais e a marca vai ficar feliz em ter vitrines ambulantes espalhadas pela cidade inteira.

Usei inclusive a bolsa – que servia para levar as roupas no dia do evento –  para trazer as compras do supermercado e levar a troca de roupa da natação do meu filho.

Foto: Gabriel Ionescu

Foto: arquivo pessoal

E quem ainda questiona a política pública valorizando o transporte sustentável, com o argumento de que precisa se criar uma cultura para a bicicleta, é só ver essas ações de transformação cultural que a cidade vem vivendo nos últimos tempos. Há uns anos atrás era inimaginável um tipo de ação como esta aqui em São Paulo.

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s